Entenda e atenda as necessidades do cliente para criar um projeto ideal

Entre as diversas vantagens de um projeto sob medida, está a personalização. O marceneiro pode criar uma peça atendendo na íntegra as necessidades e desejos do cliente. Porém, é preciso muita informação para que tudo saia de acordo.

Ponto de luz, água, modelo dos eletrodomésticos, quantidade de pessoas que irá morar na casa, enfim…. estas e muitas outras informações poderão garantir a qualidade de um projeto sob medida.

O primeiro passo é realizar uma entrevista com o cliente. Isto mesmo, faça uma reunião e peça para o cliente levar por escrito todas as suas necessidades, vontades e sonhos, além de informar as condições atuais do imóvel.

Você também poderá criar e padronizar um questionário com perguntas que irão definir o caminho a seguir para atender fielmente as exigências do projeto.

Mas como chegar ao projeto ideal?

Trace o perfil do cliente:

  • Faixa etária
  • Quantidade de pessoas que irão morar na residência
  • Tem criança ou não? Qual a idade?
  • Tem animais de estimação? Quais?
  • Algum funcionário dorme na residência?
  • Qual a estatura de quem mais utiliza o ambiente?

Sobre os hábitos da família:

  • Onde são feitas as refeições;
  • Com que frequência são realizadas as compras;
  • O que irá guardar nos armários da cozinha? (panelas, alimentos, roupas de cozinha…)
  • O que irá guardar nos armários dos quartos? (ternos, vestidos, chapéus, malas…)

Estas perguntas são importantes para que o profissional defina detalhes como: tamanho da dispensa, se a cozinha deve ser aberta ou fechada, previsão de mesas e armários.

Sobre a residência:

  • Saber se é casa, sobrado, apartamento ou outro tipo de residência;
  • Precisa saber se é uma residência em construção, se está em reforma ou se já está pronta;
  • Caso esteja em reforma é necessário saber se há algum tipo de móvel no local e qual o estilo deste móvel;
  • Se estiver em construção, se informar do estágio em que a obra se encontra e a previsão de entrega.

Estas informações irão contribuir para ter noção do prazo de entrega.

Alguns dados técnicos também precisam ser avaliados como:

  • Pontos de água, luz, gás, etc…
  • Tipo de piso e revestimento de parede;
  • Quantidade e modelo dos eletrodomésticos;
  • Que tipo de tampo e cuba serão utilizados na pia;
  • Onde passa o encanamento;
  • Como será aplicada a torneira (na parede ou no tampo?)
  • Lembre-se ainda de pegar as medidas e localização de luminárias, ralos, tomadas, equipamentos, máquina de lavar, microondas, adegas, entre outros.

Estes dados irão nortear o profissional para que ele saiba onde colocar cada móvel e realizar a furação correta, sem danificar nenhum tipo de instalação.

E, por fim, falar sobre o design do projeto:

  • Qual o estilo preferido
  • Gostos e desejos
  • Necessidade de acompanhar um design já existente em outros móveis (se for este o caso)
  • É interessante também saber qual a construtora do imóvel.

Hora de fechar o contrato

Coloque todas as informações captadas no contrato (medidas, material, cores, acabamentos, texturas), enfim…. detalhe todo o levantamento realizado junto ao cliente. Peça para o cliente assinar o contrato aprovando todas as informações declaradas.

Com tudo isso na mão, o profissional poderá atender os desejos de seu cliente, entregar um projeto de qualidade e deixar o cliente satisfeito e fiel aos seus serviços.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.