EPI na marcenaria: equipamento de segurança em nossas mãos

É necessário ser consciente quanto a utilização destes equipamentos, para manter um ritmo de trabalho seguro e saudável.

Exposta a diversos riscos, nossa profissão exige segurança e cuidados especiais, como o uso de Equipamentos de Proteção Individual, os EPI´s.

Em todo e qualquer segmento que manuseia maquinário pesado, como na marcenaria, EPI é essencial!

Eles garantem a integridade, saúde e preservação da segurança do funcionário é prioridade.

Os EPI´s nada mais são do que equipamentos de proteção individual, que devem ser utilizados pelos trabalhadores a fim de lhes proteger dos riscos de acidentes de trabalho.

Estes equipamentos são obrigatórios por lei e exigidos em todos os estabelecimentos onde há prática de atividades de marceneiro.

Os Equipamentos de Proteção Individual, primeiramente, devem ser entregues pelos empregadores em ótimo estado de conservação e funcionamento, sem nenhum custo adicional aos empregados.

É comum se deparar com alguns descuidos operacionais.

Empresários e os próprios colaboradores acabam ignorando as NR’s – normas regulamentadoras, acarretando prejuízos a saúde e financeiros.

A segurança em primeiro lugar

A CIPA – Comissão Interna de Prevenção a Acidentes é o órgão responsável pela mediação, averiguação e controle das medidas corretas dentro de qualquer empresa.

É uma comissão, que se encarrega, juntamente com a gestão responsável por cada departamento dentro de uma empresa.

A CIPA é responsável por disponibilizar ao trabalhador as informações e os equipamentos necessários para garantir a segurança.

Se sua marcenaria é pequena ou se você trabalha por conta própria e não disponibiliza de uma equipe especializada, o ministério do trabalho fornece material para a leitura e regularização das informações.

Cabe aos empregadores ministrar palestras e cursos e orientação.

Desta forma, eles poderão entender melhor o uso correto dos equipamentos de proteção, assim como os riscos a que estão expostos durante o exercício de sua profissão.

Fique de olho nos equipamentos indispensáveis na marcenaria:

  • Óculos:

Proteção ocular; todo equipamento de proteção ocular deve estar bem fixado no rosto do colaborador e é importante atenção a angulação dos óculos, ele não pode ficar caindo no rosto.

  • Luvas antiderrapantes de proteção:

Primeiramente, necessário ter em mente que no manuseio de qualquer tipo de serra, ou procedimento de corte, as luvas não devem ser utilizadas.

Sua utilização é apropriada para transporte de materiais e aplicação de produtos químicos.

  • Mascara descartável:

Devem ser utilizadas diariamente. Protegem de partículas de poeira e madeira.

Máscaras de carvão ativado, proporcionam maior proteção, ideal para ambientes com alto grau de insalubridade.

  • Protetor auditivo:

O ministério do trabalho expõe exigências primordiais em relação aos parâmetros de audição humana. Acima de 85 D.C, pois o colaborador fica exposto a risco de surdez gradativa.

  • Botas:

As botas podem possuir distinção de valor, devido ao material usado na fabricação. Portanto, as melhores botas são de bico de aço, oferecem maior proteção.

O que não utilizar na marcenaria?

Blusas com mangas largas dificultam o manuseio dos materiais e máquinas. Comprometendo mobilidade do trabalhador.

Alianças, anéis, relógios e pulseiras ficam de fora também. Podem atrapalhar no manuseio das maquinas.

Amigo, agora é com você!

Fica ligado no blog que em breve teremos mais dicas.

Um comentário em “EPI na marcenaria: equipamento de segurança em nossas mãos

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.